E com a língua não morre a cultura – afinal

Continua a falar-se da língua como forma suprema de promover determinada cultura. Acontece que por várias vezes tenho encontrado na Wikipedia em versão inglesa artigos sobre especificidades portuguesas muito mais desenvolvidos do que os seus congéneres na língua lusa (adaptada ou não para a versão transatlântica).

Esta situação só vem confirmar que não é necessariamente através da língua portuguesa que melhor se promovem as coisas portuguesas.

Advertisements

Are you anti-monologue?

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s